Ensaiando

Condenada à morte por um copo de água


LIVRO - Asia Bibi

(capa do livro)

 

Imagino que naquedia dia poderia estar fazendo muito calor. Ela vai até o poço, tira o balde de água, enche seu copo e bebe até o fim. Depois enche de novo e oferece a uma mulher que está ao seu lado.

Com esse gesto assina sua sentença de morte! E morte por enforcamento!

 

Asia é uma camponesa cristã católica e está acompanhada de suas companheiras muçulmanas. Ao mergulhar de novo o copo no balde depois de ter bebido a água ela “conspurcou” (corrompeu, contaminou) a água.

 

Asia Bibi - e as filhas02 (Asia com as filhas)

 

 

Sendo assim como forma de “consertar” o ocorrido, as companheiras muçulmanas exigem que ela abandone o cristianismo e se converta ao Islão, tornando-se uma muçulmana.

 

Bibi se recusa e rapidamente as companheiras a acusam de blasfêmia. Alegando que ainda por cima “esta herege não baixou os olhos quando foi repreendida”. No Paquistão, “ser cristão é saber baixar um pouco os olhos”.

 

Bibi então é ameaçada e condenada a morte por causa de um copo de água. Temos a impressão de que todo o mundo está “globalizado”, mas não raro certas coisas ainda apresentam-se barbaramente primitivas.

 

 

Das vozes que vieram em seu socorro visando uma justa defesa,

 

Asia Bibi - governador assassinado

tanto o governador de Punjabe, Salman Taseer,

 

como o  Ministro das Minorias Religiosas

,Asia Bibi - ministro assassinado 

Shahbaz Bhatti – um muçulmano e o outro cristão.

 

Foram brutalmente assassinados e tiveram suas mortes comemoradas por parte da população.

 

 

 

Atualmente presa em Sheikupura, no Paquistão, durante esses anos de prisão, muitas pessoas ligadas direta ou indiretamente à questão foram assassinadas. No canal da Fundação AIS no youtube, podemos ver os depoimentos sobre o livro recém lançado: “Blasfémia – Condenada à morte por um copo de água”. Assinado por Asia com ajuda e co-autoria da jornalista Anne-Isabelle Tollet, que esteve no Paquistão com ela pessoalmente. O livro foi impresso pela Editora Aletheia e também conta com a colaboração da Fundação Ajuda à Igreja que Sofre (Fundação AIS).

 

 

 

 

“Nesse dia estão 45 °C, nos campos do Punjabe. Asia está há várias horas a apanhar bagas. Uma colheita penosa, mas Asia e o marido têm cinco filhos para alimentar. Por volta do meio-dia, alagada em suor, Asia desloca-se ao poço mais próximo, pega num copo e bebe água fresca. Um copo de água e depois outro. É então que, por estupidez, uma sua vizinha grita dizendo que aquela água é das mulheres muçulmanas – e que Asia, cristã, está a sujar a água ao servir-se dela. A discussão sobe de tom… E de repente espalha-se uma palavra: «Blasfémia!» No Paquistão, é morte certa. O destino de Asia está traçado. Era o dia 14 de Julho de 2009. Asia Bibi é atirada para a prisão. Um ano depois, é condenada à morte por enforcamento. Em seguida, fica a apodrecer numa cela sem janela. A sua família é obrigada a fugir da aldeia, ameaçada pelos extremistas. Dois homens vêm em socorro de Asia Bibi: o governador do Punjabe e o ministro das Minorias – um muçulmano, o outro cristão. Ambos são selvaticamente assassinados. Asia Bibi escreve-nos do fundo da prisão. Tornou-se um símbolo para todos os que lutam, no Paquistão e no mundo, contra todas as violências exercidas em nome das religiões.”

 

«Asia Bibi é um símbolo de tudo o que desde sempre nos faz indignar e mobilizar.» Michèle Fitoussi, ELLE

ISBN: 978-989-622-417-2
Formato: 140x220mm
N.º de páginas: 144/150
Capa: brochada
Preço: 11,00€

 

“Este é um relato extraordinário na primeira pessoa, um pedido de ajuda tocante. Asia Bibi tornou-se um símbolo de tudo o que desde sempre nos faz indignar e mobilizar.” (Para adquirir o livro)

 

O apoio da Fundação AIS à divulgação deste livro insere-se na missão e área de acção da própria instituição. O ano passado, o Bispo Auxiliar de Lahore, no Paquistão, D. Sebastian Shaw esteve em Portugal, a convite da Fundação AIS e deu o seu também impressionante testemunho sobre a realidade da perseguição e as dificuldades por que passam os cristãos naquele país de maioria muçulmana.

 

A Fundação AIS tem presente uma grande campanha de apoio a Asia Bibi e a todos os cristãos perseguidos pela sua fé. Trata-se de uma acção que visa recolher apoios materiais para estas comunidades religiosas, mas também de apelo à oração.

 

Ainda recentemente foi enviado ao Bispo do Paquistão um livro digital (You are not alone) com os nomes de todos os nossos benfeitores que participaram já nesta corrente de oração.

 

Também no Facebook a Fundação AIS tem vindo a dinamizar o grupo Salvem a Asia Bibi, que congrega já mais de 1.700 pessoas.

 

Acenda uma vela você também!!!!

 

 

 

 

 

Aqui mais sobre o caso Asia Bibi

 
* Assine aqui a petição para libertar Asia Bibi

Links das petições:
http://www.petitiononline.com/Asiabibi/petition.html
http://www.christianfreedom.org/news/petion-to-free-asia-bibi/
http://www.petitionbuzz.com/petitions/asiabibi

(Links da postagem do Blog “Vida em Sociedade)

 

 

 

FONTES:

Agência Fides
http://www.fides.org/aree/news/newsdet.php?idnews=31130&lan=por

Fundação Ajuda à Igreja que Sofre – AIS
http://www.fundacao-ais.pt/cms/view/id/335/
http://www.fundacao-ais.pt/noticias/detail/id/2177/

Canal da Fundação AIS no YouTube
http://www.youtube.com/user/fundacaoais

http://www.youtube.com/watch?v=7DaBDYCdmRw&feature=related

Observatório da Imprensa
http://www.observatoriodaimprensa.com.br/news/view/asia-bibi-uma-paquistanesa

Editora Aletheia

http://www.aletheia.pt

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Meu perfil

Agendando

setembro 2011
D S T Q Q S S
« ago   out »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Categorias

Ranking + votados

Estatísticas do Blog

  • 73,112 visitas
Atualizado 06/2015: Locations of visitors to this page

Principais postagens

%d blogueiros gostam disto: